Prémio Ciência Professor Francisco Pulido Valente

Prémio Pulido Valente Ciência visa distinguir o melhor trabalho publicado numa área das Ciências Biomédicas (sem restrição do ano de publicação) que descreva investigação executada por um investigador com menos de 35 anos num Laboratório nacional. O montante deste prémio é de 10 mil euros, a atribuir anualmente, sendo comparticipado em partes iguais pela Fundação Professor Francisco Pulido Valente e pela Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Prémio Ciência Professor Francisco Pulido Valente 2019

Terminou, no passado dia 30 de setembro, o prazo de candidatura para o Prémio Pulido Valente Ciência.
As condições de elegibilidade requerem que o artigo descreva o resultado de uma investigação realizada numa instituição Portuguesa de I&D, devendo o primeiro investigador ter idade até 35 anos. Cada concorrente poderá submeter um único artigo original, publicado ou aceite para publicação numa publicação nacional ou internacional especializada.
Foram recebidos 25 trabalhos, estando agora o júri na fase de verificação do cumprimento do Regulamento para posterior reunião de decisão, prevendo-se que esta se realize entre novembro e dezembro.

O júri tem como Presidente Sir Michael Marmot do Institute of Health Eqity, UCL, Department of Epidemiology and Public Health, University College London. 
Fazem, ainda, parte do júri: Prof José Pereira Miguel; Prof Benedetto Saraceno, representando a FCT, Prof Francisco George e, representando a Fundação Pulido Valente. Prof João Lavinha.

Prémio Ciência Professor Francisco Pulido Valente 2018

O Prémio Pulido Valente Ciência 2018 visa distinguir o melhor artigo publicado na temática «Engenharia Biomédica», sem restrição de ano de publicação, que descreva os resultados da investigação realizada numa instituição de I&D nacional por um investigador com menos de 35 anos à data de apresentação da candidatura.

Na sequência do Protocolo celebrado entre a Fundação para a Ciência e a Tecnologia I.P. e a Fundação Professor Francisco Pulido Valente é aberto concurso para atribuição do Prémio Pulido Valente Ciência 2018.

Prémio Ciência Professor Francisco Pulido Valente 2017

O Prémio Pulido Valente Ciência 2017 distingiu o melhor artigo publicado na temática «Patologia Cardiovascular –Investigação Básica, Translacional e Clínica», sem restrição de ano de publicação, com os resultados de investigação realizada numa instituição de I&D nacional por um investigador com menos de 35 anos à data de apresentação da candidatura.

Ana Filipa Barata Duarte Guedes

Investigadora do Instituto de Medicina Molecular e primeira autora do artigo «Atomic Force Microscopy as a tool to evaluate the risk of cardiovascular disease in patients»

Publicado em 2016 na Nature Nanotechnology 11, 687-692 (2016).

O Júri foi composto pelo seguintes elementos: Professor Detlev Ganten (Charité – Universitatsmedizin, Berlin); Professora Carmo Fonseca (Instituto de Medicina Molecular da Universidade de Lisboa); Professor Manuel Antunes (Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra); Professor Miguel Carneiro Moura (Professor Emérito, Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, em representação da Fundação Francisco Pulido Valente); Professor Fausto Pinto (Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, em representação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia)