Publica um artigo nos Arquivos do Instituto Bacteriológico Câmara Pestana por ocasião da morte do seu director, Aníbal Bettencourt, a quem o ligavam laços muito especiais pois aí realizou os seus trabalhos de investigação sobre a sífilis.