Decorreu no dia 12 de novembro, ao final da tarde, no Museu de Lisboa, uma sessão pública em que foi assinalada a colocação de novo em exposição do quadro A Leitura – grupo do consultório do Professor Francisco Pulido Valente, doado em 1983 pelos herdeiros de Francisco Pulido Valente à Câmara Municipal de Lisboa.

Foram oradores Carlos Monjardino (em representação da família Pulido Valente), Rui Pulido Valente (em representação da Fundação Pulido Valente) e Joana Sousa Monteiro (diretora do Museu de Lisboa).

Link para a gravação da sessão:

https://www.facebook.com/museudelisboaEGEAC/videos/1424786917726574

O destaque desta obra, realizada pelo pintor Abel Manta em 1955, no circuito expositivo do Museu de Lisboa – Palácio Pimenta, até 28 de março de 2021, foi fruto de uma parceria entre o Museu e a Fundação Francisco Pulido Valente.

O quadro ilustra um momento de leitura pelo escritor Aquilino Ribeiro a um grupo de personalidades provenientes de várias áreas de intervenção social e política, ligados por fortes laços de amizade a Pulido Valente, que se reunia, quase diariamente no seu consultório.

Destaque para a crónica, publicada no semanário Expresso, da autoria do membro do Conselho Consultivo da Fundação Pulido Valente, Professor Jorge Calado, também sobre o grupo do consultório e sobre as 12 figuras representadas no quadro de Abel Manta.

Conferências no âmbito da exposição

Ciclo de conversas sobre a obra A Leitura. Grupo do Consultório do Professor Pulido Valente, do pintor Abel Manta (1955), que está, neste momento, em destaque no Museu de Lisboa – Palácio Pimenta, por especial parceria com a Fundação Pulido Valente.

Data

Tema

Convidado

12 novembro

Inauguração da exposição

Francisco Pulido Valente

Carlos Monjardino

3 fevereiro (4º feira)

Medicina

Barros Veloso

24 fevereiro (4ª feira)

Aquilino Ribeiro

Aquilino Machado

3 março (4ª feira)

Bento de Jesus Caraça

João Manuel Caraça

10 março (4ª feira)

Enquadramento histórico

Fernanda Rollo

23 março (3ª feira)

Abel Manta

Raquel Henriques da Silva

31 março (4ª feira)

Enquadramento político e encerramento – Afastamentos e expulsões

Fernando Rosas