Patrono A Fundação Prémio Ensino Prémio Ciência Biblioteca e Espólio Agenda Contactos e Informações
Homepage, Destaques

Prémio Ciência

 
 

2005

Dra. Íris Caramalho

Após reunião realizada no dia 14 de Novembro de 2005 o júri decidiu atribuir o Prémio Pulido Valente Ciência 2005 à Doutora Íris Caramalho, do Instituto Gulbenkian de Ciência, pelo trabalho 'Regulatory T cells selectively express Toll-like receptors and are activated by lipopolysaccharide' publicado no Journal of Experimental Medicine vol 197, no.4, 403-411 (2003).

Foi ainda distinguido com uma Menção Honrosa o Doutor Sérgio F. de Almeida, do Instituto de Biologia Molecular e Celular, pelo trabalho 'HFE cross-talks with MHC class I antigen presentation pathway' publicado em Blood , vol 106, no.6, 971-977 (2005).

Entrega do Prémio Professor Pulido Valente Ciência 2005
Teve lugar no dia 6 de Abril de 2006, no Ministério da Ciência e Ensino Superior, a sessão pública de entrega do Prémio Pulido Valente Ciência 2005.
O Prémio foi atribuido à Doutora Íris Caramalho do laboratório da Dra. Jocelyne Demangeot, Instituto Gulbenkian de Ciência, pelo trabalho
intitulado 'Regulatory T cells selectively express Toll-like receptors and are activated by lipopolysaccharide', publicado no Journal of Experimental Medicine vol.197, no.4, 403-411 (2003)
Foi distinguido com uma menção honrosa o Doutor Sérgio F. de Almeida do Laboratório da Professora Maria de Sousa, Instituto de Biologia Molecular e Celular da Universidade do Porto, pelo trabalho intitulado 'HFE cross-talks with MHC class I antigen presentation pathway', publicado em Blood, vol.106, no.6, 971-977 (2005)
O júri foi constituido pelo Professor Caetano Reis e Sousa (Câncer Research, Londres), que presidiu, pelo Professor Rui Appelberg (IBMC, Universidade do Porto), Professor Rui Victorino (IMM, FML,Universidade de Lisboa), Professor João Lôbo Antunes (IMM, FML, Universidade de Lisboa) e Professor João Monjardino (Professor Jubilado, Imperial College, Universidade de Londres), os dois últimos em representação da Fundação para a Ciência e Tecnologia e Fundação Professor Francisco Pulido Valente, respectivamente.